Hoffmann

20170928-ALOIS-HOFFMANN

Alois Hoffmann tem 66 anos e nasceu em Bruckmühl (Alemanha), bem pertinho de Munique, terra da primeira e maior Oktoberfest do planeta. É filho único. O pai trabalhava numa fábrica de papel e a mãe era dona de casa. A família também criava galinhas e coelhos. Ainda na infância, Alois aprendeu a tocar violão. No exército dominou saxofone e clarinete. Trabalhou no Deutsche Bundesbank, o Banco Central alemão, de onde saiu aos 26 anos para abraçar de vez a paixão que tinha pela música, mesmo contrariando o pai que não entendia como alguém deixava um emprego estável para se aventurar na noite. Se casou, teve três filhos, mas a união não durou muito. Integrou um grupo que tocava em bailes na Alemanha, Áustria, Suíça e outros países. Em 1986 veio a Blumenau pela primeira vez para tocar na Oktoberfest da cidade a convite da rádio alemã Deutsche Welle. Voltou nos cinco anos seguintes. Conheceu na cidade a mulher com quem se casaria anos depois. Namoraram a distância e em 1992 ficou em Blumenau para se casar. Conseguiu um lugar na tradicional banda Cavalinho Branco. Nesse período rodou o Brasil inteiro animando bailes alemães. Morou com a esposa no bairro do Salto e Água Verde. Aposentou-se na Alemanha e tem na música o único ofício. Hoje mora no bairro do Salto com a esposa e a sogra. Gosta de caminhar diariamente com a cachorrinha que o casal cria. Uma vez por ano vai à Alemanha para visitar os filhos e os três netos. Nesta Oktober, além da banda Cavalinho, vai tocar com um trio e com outro grupo. Diz que é cansativo, mas enquanto tiver saúde não pensa em fazer outra coisa.

Data da entrevista e foto: 28 de setembro de 2017
Ouça abaixo um pouco da voz de Alois

2 comentários sobre “Hoffmann

  1. Parabéns!
    Conheço muito bem o Alois, acabou se tornando meu tio, já que é casado com a irmã de minha mãe. A história dele está muito bem sintetizada. Ele é uma pessoa muito querida, de um coração enorme, muito alegre e apaixonado pela música!
    Tenho muito orgulho e gratidão por ter o Alois próximo! Muita saúde e felicidades a ele! Parabéns ao excelente trabalho Pancho, você tem feito um brilhante trabalho no jornal é mais recentemente na rádio.

    Curtir

  2. Conheço o Alois, pois o encontro caminhando quase todos os dias aqui na Escola Agricola com seu cachorro… Me consta ter sido ele pessoa muito importante na modernização de nossas bandas regionais… Raul Staedele

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s